Poema nº 9 - dá-me, Pai a paz...

Poema nº 9 - dá-me, Pai a paz...

Este canal do YouTube é dedicado exclusivamente ao áudio do texto abaixo. Ouça o texto na voz de Luiz Sampaio.

dá-me, Pai a paz…

dá-me, Pai
a paz a paz a paz a paz
da água que é apenas água
e no entanto vive
e vai

livra-me de saber o meu leito
e guarda contigo em segredo
as aventuras que me aguardam no mar
guarda contigo em silêncio
e não me permita, Senhor
sequer a consciência do leito e do mar

assopra sim o teu sopro mansamente
assim como és
e como sabes ensinar a ser
e me deixa apenas ir
seguir o agora
eternamente
até que saibas por mim
e no momento certo me avises
talvez
se nosso caminho chegar ao fim

Luiz Sampaio

1 comentário
  1. Lindo poema, criou em mim diversas reflexões. Lindo como tudo q vc escreve! Bjo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.